VIOLÊNCIA

Diminui número de mortes violentas no Ceará

Ao contrário do Brasil, que aumentou o índice de violência de 2015 para 2016, o Ceará está entre os poucos estados que teve o índice reduzido. Saiu de 46,4 homicídios em cada 100 mil habitantes, em 2015, para 39,8, no ano passado, figurando em sexto lugar no macabro ranking da violência. Os três estados no topo da violência são todos nordestinos: Sergipe (64), Rio Grande do Norte (56,9) e Alagoas (55,9).

Em 2016, o Brasil registrou 61.619 mortes violentas, representando aumento de 3,8% em relação a 2015. Estatisticamente, foram assassinadas 7 pessoas por hora no país. A taxa de mortes violentas foi de 29,9 assassinatos por 100 mil habitantes.

Os dados, que foram divulgados nesta segunda-feira (30), são compilados pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Você vê a matéria completa na Folha.

 

 

PCC invade o Ceará com 6 mil bandidos

Ceará é o segundo estado com maior número de bandidos – mais de 6 mil –  integrantes do PCC  (Primeiro Comando da Capital). Isso em apenas uma facção. O levantamento é do Ministério Público de São Paulo. Os bandidos estão fugindo do Sudeste e invadindo nossa praia, que viu a violência explodir nos últimos anos. Essa nova realidade trouxe péssima colocação do Estado no macabro ranking de homicídios. No Ceará, os números dispararam, e as autoridades não sabem dar resposta à altura a esta invasão, que dizimou os bandidos locais. Agora, os criminosos assaltam e matam falando outro sotaque.

A matéria foi escancarada hoje no Bom dia Brasil, da Globo.