Cinquenta tons de Temer

O presidente Michel Temer entregou ao STF (Supremo Tribunal Federal) nesta quinta-feira (18)  suas respostas às 50 perguntas feitas pela Polícia Federal, dentro do inquérito que investiga suposta ilegalidade na edição do decreto que ampliou o período dos contratos de concessão na área de portos.

O tom das respostas foi das burocráticas negativas, que chegou a responder três perguntas de uma só vez, até à exacerbação, quando reclamou da impertinência das questões, “por colocar em dúvida minha honorabilidade e dignidade pessoal”. E manteve o diapasão na última questão, de número 50: “Reitero a agressividade, o desrespeito e, portanto, a impertinência, por seu caráter ofensivo”.

Segundo a denúncia, o decreto seria acrescentado de uma cláusula para beneficiar empresas que obtiveram concessão antes de 1993, o que beneficiaria a Rodrimar. Só que a cláusula não constou do decreto. Portanto, a empresa não foi beneficiada, o que já diminui o impacto da acusação.

Esta é mais uma denúncia oferecida pelo ex-procurador Rodrigo Janot, e que obteve a autorização do ministro Luís Roberto Barroso. Foi a última flecha do guerreiro. No mesmo dia da resposta, o Globo publicou resultado do inquérito que investigou se haveria algum ministro do STF envolvido nas gravações da JBS. Apesar do inexplicável alarido de Janot, dando conta de suspeitas “gravíssimas”, não há nada que envolva qualquer ministro do STF.

Acesso ao PDF das perguntas e respostas, aqui.

Histórico do triplex de Lula

 

 

Há oito dias do julgamento de Lula, no TRF4, publicamos histórico produzido pelo O Globo sobre a aquisição do apartamento de praia da família Lula da Silva. Vem desde 2003, nos tempos da Bancoop, passa pela venda do empreendimento à OAS, que entrega outro apartamento, maior, reformado, e com elevador, para melhor usufruto do prédio à beira-mar paulista.

Aqui você tem acesso ao inteiro teor da denúncia do MPF.

Ciro Gomes não é maluco

O pré-candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT), em evento sobre o Brasil em Oxford

Artigo do sociólogo Celso Rocha de Barros, publicado nesta segunda-feira (15) na Folha, questiona em qual Ciro Gomes se deve votar: “no tucano de esquerda que foi bom ministro de Lula ou no maluco que diz que vai reverter imediatamente todas as reformas de Temer? Porque essa última ideia é tão ruim que, se Bolsonaro a propusesse, pareceria idiota mesmo se comparada às outras ideias de Bolsonaro.”

A boa reflexão do articulista petista sobre o presidenciável cearense termina assim:

Se Ciro conseguir renovar o programa do PDT com sua experiência de ex-tucano e ex-lulista, a política brasileira sairá melhor, mesmo se Ciro perder. Mas, se for só para repetir o discurso da esquerda dos anos 50, estarei entre os que lamentarão o desperdício de candidato.

Artigo completo no site da Folha: Ciro Gomes é maluco?

Gony Arruda é recebido por Pezão no Palácio Guanabara

O deputado estadual Gony Arruda, PSD, foi recebido neste início de 2018 em audiências pelo prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella e pelo governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão.

Gony fez questão de registrar tudo em sua conta do Facebbok e publicou o seguinte sobre Pezão, sucessor de Garotinho e Sérgio Cabral:

COM O GOVERNADOR DO RIO DE JANEIRO, Luiz Fernando Pezão, quinta em seu gabinete no Palácio Guanabara. Em recente entrevista ao Jornal O Globo, o Administrador do estado em situação mais delicada no Brasil, disse as seguintes frases com a espontaneidade comum aos seus conterrâneos: “Não vou lhe dar datas dos pagamentos por que se não, os servidores me colocam com nariz de Pinóquio.” “Eu tenho 100 coronéis da PM na ativa para 600 aposentados ganhando igual. Essa conta não fecha !” “A 1º coisa que vejo antes de ir para a esteira (ao acordar), é o preço do barril do petróleo. Meu antecessor pegou a 115 dólares. Eu peguei a 28”. “Não sou candidato a mais nada. Se for, a minha mulher (Maria Lúcia) me mata. Vou levar uma surra !” Esse é Pezão ! Do interior, devoto, botafoguense roxo e ex prefeito de Pirai (que ao lado de Taua-CE) é considerada a melhor cidade digital do país. Está deixando o RJ com o custeio de 2009. Homem bom. A história vai contar..”

Verdade, Gony, realmente a história vai contar se o futuro de Pezão é longe ou perto de Sérgio Cabral.

Deltan Dalagnol abusa do cargo em rede social

O Procurador da República Deltan Dalagnol, coordenador da Lava Jato, voltou ao ataque contra os políticos em sua conta pessoal no Twitter.

Deltan presta um grande desserviço ao Brasil e a Força Tarefa de Curitiba e abusa de suas prerrogativas laborais, além de flertar com a irresponsabilidade, afinal, qualquer saída fora da política é golpe e querer desmoralizar todo cenário político em nada acrescenta o já conturbado cenário político, muito pelo contrário; fortalece aventuras como possível candidatura de um Luciano Huck e fortalece projetos extremistas como de Jair Bolsonaro.

Ato irresponsável e antidemocrático.

Capitão Wagner descarta candidatura ao Senado ou ao Governo

Em áudio divulgado pelo WhatsApp no último sábado, 13, o deputado estadual Capitão Wagner, PR, afirmou que deve sair como candidato a deputado federal e não ao Governo ou Senado.

Detalhe: Wagner afirmou possuir dívidas da campanha de 2016, quando postulou a Prefeitura de Fortaleza.

Confira o áudio.

 

http://inconteste.com.br/wp-content/uploads/2018/01/Wagner.mp3